icone
Serviços Online
» Conheça nossa edição digital
21/01/2018
Campanha de recolhimento será realizada em FW
17/01/2018
R$ 10 mil em vales-compras serão sorteados neste sábado
16/01/2018
Matrículas e rematrículas seguem até sexta-feira
16/01/2018
Expodireto Cotrijal 2018 será lançada em fevereiro
icone
Leitor Interativo
» Leia o Artigo da Edição
» Set

Além de um faixa-preta

(Cassius dos Santos Castro – Le Camp/Divulgação)
(Cassius dos Santos Castro – Le Camp/Divulgação)

O sonho de ser um campeão, tanto na vida pessoal quanto profissional, sempre exige grandes esforços. Muito mais do que isso, há quem diga que os determinados vão sempre mais longe. O frederiquense Fabio Alex Rossato, 42 anos, é um desses exemplos. Foi unindo esforços e determinação que ele deu um grande salto em sua vida. De admirador passou a aluno, foi professor e hoje é um grande mestre faixa-preta, admirado no mundo das artes marciais e um grande conhecedor de técnicas. Sua garra o fez ir além de uma faixa-preta; aos poucos foi construindo os degraus para alcançar os seus objetivos.

Na adolescência, por um tempo, Rossato foi residir em Nova Palma, e então foi lá que teve contato com as artes marciais. “Tudo começou lá, então chegou a época de ir para a faculdade, me formei em Educação Física pela Unics e me especializei em saúde e qualidade de vida, mas eu sempre tinha em mente de voltar para Frederico Westphalen e dar aulas, ensinar o que eu tinha aprendido”, conta o filho de Helio Walter Rossato e Odila Dalla Nora Rossato (in memoriam).

Phoenix X Rede Mestre

Quando ainda estava graduando, Rossato teve a ideia de dar aulas. Já formado, retornou para Frederico Westphalen, e em novembro de 1992 ofereceu os primeiros treinamentos de taekwondo no município, e logo também precisou atender a uma solicitação dos pais. “O meu projeto tinha dado certo e como muitos pais de alunos ficavam esperando seus filhos nos treinos, me sugeriram montar a modalidade de musculação, então colocamos aparelhos e professores, e iniciou a Phoenix em FW, lá no ano de 1997”, relembra.

Com o passar dos anos, a Phoenix foi ganhando mais adeptos, mais modalidades e então foi necessário também dar um novo formato. “Tudo passa por uma evolução, precisamos melhorar a cada dia. Hoje temos a Rede Mestre, são 25 anos dedicados a FW, a fazer o melhor, e percebemos que todos os sacrifícios valeram a pena”, frisa.

Um multiatleta

Apaixonado pelos esportes, atualmente Rossato pratica de forma profissional o taekwondo e também o warrior krav maga, inclusive, é para aperfeiçoar essa modalidade, que na terça-feira, 9, ele embarcou para Jacksonville, no Estado da Florida. “Ficarei nos Estados Unidos até o dia 19 de janeiro, fazendo o módulo Advanced A de warrior krav maga, que hoje são técnicas avançadas utilizadas como defesa pessoal dentro do taekwondo”, explica o faixa-preta, que também não deixa de lado a sua bicicleta. “É meu hobby, em nível de desafios em audax e pessoais”.

E nesses 28 anos envolvidos com as artes marciais, o frederiquense já acumula alguns títulos, até mesmo fora do país, como o de campeão no combate de armas, conquistado em 2017, em Lima, no Peru. “Palavra que defino para esses anos é sinergia. Meu professor e mentor CM Ozuna sempre ensinou que como professores e mestres precisamos ensinar/formar alunos que sejam nossa versão melhorada. Essa orientação fez somar forças em todos esses anos e tenho a certeza de muitas conquistas futuras”, diz.

O novo ano

Assim como 2017 foi de muitos desafios vencidos, Rossato espera que 2018 seja ainda mais próspero. “Estamos sempre em busca do melhor, tanto nos objetivos de curto prazo, que são as trocas de faixas, bem como conquistar vitórias pessoais todos os dias. Muita coisa nos espera neste ano, então estamos com reforço extra de professores, na parte de fitness cada vez mais queremos priorizar a excelência. Será um 2018 de muita luta, muitas pedaladas e, com certeza, muitas parcerias e grandes realizações”, finaliza.

 

Suseli Cristo

COMPARTILHE ESTA PÁGINA
Os comentários no site estão em fase experimental - não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas. Denuncie comentários ofensivos ou usuários fakes pelo e-mail site@oaltouruguai.com.br.
© 2012-2013 - O ALTO URUGUAI - Rua Getúlio Vargas, 201 - Ipiranga - Frederico Westphalen/RS - Fone: (55) 3744-3040. Site desenvolvido por LIFESITE.