PUBLICIDADE
9 - Girassol

Futebol

Presidente do tricolor frederiquense, Edison Cantarelli, detalha decisão dos clubes e traça objetivos para o Leão da Colina

Publicado em 16/08/2020, última alteração em: 27/08/2020 13:45.

Por:



11 - Buligon

Com gastos elevados na temporada em que buscava o acesso à elite do futebol gaúcho, o União-FW terá de se rearranjar para a próxima temporada, principalmente no aspecto financeiro, depois de ver a Divisão de Acesso 2020 se cancelada. No fim do mandato como presidente do clube, Edison Cantarelli aponta que o principal objetivo para os próximos meses é pensar no equilíbrio financeiro. “As questões que o clube tem que cuidar agora são as questões financeiras. A gente teve um custo alto de salários e agora temos as rescisões que precisam ser feitas. E temos que buscar equilibrar as questões financeiras, porque foi um ano com déficit, em função de não termos a competição”, pontua.

Ainda que o clube tenha criado grandes expectativas para a temporada, especialmente pela iniciativa “União 10 Anos”, que visava estimular o apoio da comunidade para fazer com que o Leão da Colina voltasse ao Gauchão, o cancelamento da Divisão de Acesso é visto como uma decisão acertada pelo presidente. “Temos que entender que é uma pandemia, temos vários setores prejudicados, economia, comércio e saúde. Nesse momento, o esporte não é algo fundamental, não é algo tão importante nesse momento, não é imprescindível”, ressalta.

Ponto crucial para o cancelamento da disputa, a impossibilidade de os jogos receberem público deve seguir pesando na balança dos clubes em 2021. Segundo Cantarelli, a tendência é que os jogos só retornem quando houver liberação das arquibancadas. “Diferente da Série A e Série B, do Gauchão e de todas as grandes competições, a Divisão de Acesso não tem aporte de cotas da televisão, então ela precisa de público nos estádios para que os clubes se sustentem”, afirma o presidente.

Assim, a próxima temporada já começa a ser planejada agora. Ainda que não haja uma data prevista para o retorno, atletas do elenco atual devem integrar o plantel do ano que vem, que obrigatoriamente terá investimento reduzido. Mesmo sem calendário definido, uma das possibilidades que passam a ser debatidas pela FGF é que a Divisão de Acesso 2021 ocorra depois do Gauchão, o que daria mais tempo até a normalização da situação e a possibilidade do retorno do público aos estádios.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.
PUBLICIDADE
13 - Zooclínica
PUBLICIDADE
13 - Novo Site