PUBLICIDADE
9 - coronavírus

Dica de leitura

Nas fontes de pesquisa autor encontrou aspectos sobre a região do Médio Alto Uruguai no jogo político estadual

Publicado em 11/11/2020, última alteração em: 11/11/2020 14:24.

Por:



11 - Novo Rural

O professor de História do IFFar/FW, Marcos Jovino Asturian, acaba de lançar o seu livro “O Rio Grande do Sul dividido”. A tese de doutorado defendida no ano passado, na Unisinos, agora transformada em livro, traz ao público o resultado de uma pesquisa referente à área da história política do Estado. O historiador analisou a disputa eleitoral entre o Partido Social Democrático (PSD) e o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) nas campanhas eleitorais para o governo estadual em 1947, 1950 e 1954. Para isso, o autor fez uso de elementos da teoria do campo político, desenvolvida pelo sociólogo francês Pierre Bourdieu, como instrumento de pensamento para a compreensão dos conflitos político-eleitorais. O fio condutor da investigação histórica é a lógica relacional conflitiva, isto é, o jogo das oposições e distinções entre os partidos e candidatos. As fontes utilizadas no trabalho foram os jornais Correio do Povo e Diário de Notícias, assim como os Anais da Assembleia Legislativa sul-rio-grandense.

Segundo o professor, nas fontes de pesquisa ele encontrou aspectos sobre a região do Médio Alto Uruguai no jogo político estadual. Episódios locais repercutiram intensamente, sobretudo, na tribuna do parlamento gaúcho.   

O livro foi lançado no fim de outubro pela editora Oikos, e pode ser adquirido em seu site ou diretamente com o autor, por meio do e-mail [email protected].

 

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.
PUBLICIDADE
13 - Zooclínica
PUBLICIDADE
13 - Mega Turismo