Franciele Diotti

Desde cedo, Franciele sempre participou ativamente de movimentos ligados à comunidade e à política, e suas bandeiras principais estão na área da agricultura, educação, saúde e turismo rural

Publicado em 17/02/2021.

Por:



11 - Ótica Buligon

O município de Iraí iniciou o ano de 2021 registrando mais um fato histórico, em especial para o Poder Legislativo. A estudante do sétimo semestre de Pedagogia, Franciele Diotti, de 21 anos, é a vereadora mais jovem da história do município a assumir uma vaga na Câmara de Vereadores.

– Foi a primeira vez que concorri, mas sempre acompanhei de perto a política. Para mim, é um sonho realizado, sempre pensei em assumir uma cadeira no Legislativo um dia, mas não imaginava que seria assim tão cedo e logo na minha primeira eleição. Me sinto muito feliz e realizada, mas sei que é uma grande responsabilidade perante toda a população. Recebi 209 votos, pelo Progressistas (PP). Meu pai foi vereador durante oito anos, e acabou me influenciando bastante, pois o acompanhava desde pequena em reuniões, comícios, foi a partir daí que comecei a gostar e agora dou início a minha história na política – destaca Franciele, que junto com as vereadoras Maristela Panegalli e Ana Paula Rodrigues formam a base feminina da Câmara, fato que ocorreu somente na legislatura de 1983 a 1988 no município.

 

Em busca dos sonhos

Franciele, que é formada no Curso Normal do Magistério, é a única filha de Salete Lisiak Diotti e Volmir Diotti, e aos 21 anos traz os exemplos de casa para a realização dos seus sonhos. “Meus pais são agricultores e sempre me educaram e ensinaram muito a jamais desistir do que eu quero, dos meus sonhos. Admiro-os demais, pois sempre trabalharam e batalharam muito na lavoura para nunca deixar faltar nada para mim. Estiveram ao meu lado, me ajudando e aconselhando em todas as decisões que tomei, e como candidata a vereadora não foi diferente. Estiveram comigo me ajudando e juntos batalhamos muito até o último dia para vencer a eleição, e graças a eles e a tantas pessoas que estiveram ao meu lado deu tudo certo. Aos meus 21 anos tenho muito a agradecer a Deus, a minha família e à vida, pois já consegui realizar muitos sonhos, em especial ser professora e ser eleita vereadora”, frisa.

 

Trabalhar pela comunidade

Para Franciele, é uma grande responsabilidade ser a mais jovem vereadora da história de Iraí. Desde cedo, ela sempre participou ativamente de movimentos ligados à comunidade e à política, e suas bandeiras principais estão na área da agricultura, educação, saúde e turismo rural. “Honrarei esse compromisso trabalhando em prol da nossa comunidade, pois estamos buscando um futuro melhor para Iraí. Podem esperar muito comprometimento, honestidade e seriedade com meu trabalho enquanto vereadora. Sempre deixei claro que estaria à disposição de todos e vou procurar fazer o possível para atender aos nossos munícipes. Pretendo desenvolver meu trabalho sem fazer politicagem, sem escolher pessoas por conta de sigla partidária. Meu compromisso é com todos os cidadãos iraienses, independentemente de partido, de cor, religião ou classe social. Prezo para que todas as pessoas sejam sempre tratadas da mesma forma, em todos os setores e lugares”, acrescenta Franciele, projetando os seus próximos passos profissionais.

– Quero trabalhar muito, legislar, cumprir com meu papel de vereadora da melhor forma possível, honrar o voto de todas as pessoas que confiaram em mim e estar sempre em busca do melhor. Quero ser a minha melhor versão, uma pessoa melhor a cada dia, estar em constante evolução. A presença da mulher, especialmente na política, é de extrema importância, principalmente, para que aconteça a tão esperada ‘renovação’ que a sociedade espera nesse meio, e é por isso que hoje ocupo esse cargo de vereadora, para também poder mostrar que podemos conquistar os nossos espaços, que podemos ir além do que imaginamos – finaliza.

Texto: Suseli Cristo

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.